Aluguel na Itália

Como para o procedimento de residência, muitas pessoas têm dúvidas sobre como encontrar um quarto ou uma casa para alugar na Itália a partir do Brasil e quais os possíveis obstáculos.

Esclarecimento de antemão: eu não possuo nenhum contato na Itália para facilitar o processo de residência ou qualquer outro procedimento relacionado ao reconhecimento da cidadania, como encontrar uma casa ou quarto, e pessoalmente não não tenho conhecimento de ninguém que o faça (muitas pessoas me escrevem perguntando isso). Tudo que sei está listado aqui abaixo.

Todo o percurso de minha experiência se baseia na cidade de Forlì (120.000 habitantes), onde estudo. Há muitas formas de encontrar um lugar onde morar, e o preço do aluguel varia de cidade para cidade e, de forma geral, a regra de "cidade pequena, aluguel mais baixo" se aplica. Lembre-se, é bem conveniente tentar se comunicar em italiano com o proprietário, pois não são muitos os italianos em idade adulta que falam inglês, portanto o conhecimento de tais idiomas pode ser uma barreira. De toda forma e em último caso, não se desencoraje, você pode arriscar o português também, não só pela semelhança ao italiano, mas porque também a faculdade de línguas da Universidade de Bolonha fica em Forlì, então há muitos estudantes aprendendo outras línguas, inclusive o português.

Para você que quer procurar um quarto ou uma casa, tente os seguintes métodos:

EASYSTANZA.IT: é necessário cadastrar-se para fazer uma busca; este é o método pelo qual eu consegui achar o meu primeiro quarto para alugar em Forlì quando eu ainda estava no Brasil. 

SUBITO.IT: é um site que abrange a busca de várias coisas, desde coisas a imóveis, no link eu já selecionei a cidade de Forlì para que você tenha uma ideia de como é.

AIRBNB: se você está inseguro sobre fechar negócios à distância, você pode tentar o Airbnb, que é uma ferramenta muito boa e segura, pois o pagamento é liberado apenas após o primeiro dia de hospedagem. Eu já usei esta plataforma como quem aluga e como que põe um quarto para alugar, é bem conhecida na Europa e é uma das melhores e mais seguras soluções. Que pena que conheci o site apenas após chegar à Itália, senão teria tentado primeiro ali.

Grupos no Facebook: você pode tentar encontrar grupos no Facebook sobre aluguel na cidade que você escolher, tentando palavras como "affitti Milano", "stanze studenti Milano", "affitto camere", etc.

Outros sites: você pode jogar no Google o mesmo critério de busca no Facebook para achar outros sites que oferecem esse serviço.


Minha experiência e dicas
Eu encontrei meu quarto no site Easystanza. Comuniquei-me em italiano a princípio, pois já falava o idioma, porém o estudante que estava alugando o quarto dele devido a sua ausência por motivos de intercâmbio acadêmico no exterior, falava português, por isso consegue proceder em português com a tratativa. Então após ter visto as fotos do anúncio online e ter entrado em contato com o proprietário através do site, trocamos usuários de Skype e fizemos uma vídeo chamada para que ele me mostrasse o quarto e apartamento.

Fazer uma vídeo chamada nem sempre é conveniente ao proprietário ou ao estudante, especialmente se não for estudante, se você conseguir, aproveite o momento para perguntar tudo e também "perceber" se trata-se de algo verdadeiro ou de uma truffa (fraude). Muito cuidado, porque se você transferir dinheiro para alguém no exterior, ainda que tenha os dados dessa pessoa, você não vai conseguir ir a lugar algum com isso, seja pessoalmente ou judicialmente falando, é meu conselho porque já passei por isso (não na Itália). Você conseguirá, no entanto, saber se a pessoa é honesta ou não, ou se há algo obscuro por trás do negócio. 

Eu senti confiança por parte da pessoa com quem negociei, ele me mandou cópia do contrato e de seu documento pessoal, e então eu procedi com o pagamento da caparra deposito (caução) para segurar o quarto para mim (350 euros). O valor da caução pago em antecedência é SEMPRE devolvido no final do período de aluguel, quando você deixar o local, com exceção de algum estrago no apartamento/casa que você tenha causado. Geralmente pedem sempre o valor de dois alugueis como caução, então ao chegar à Itália, paguei aquela que faltava e mais o valor do aluguel. Também é possível pagar apenas parte da caução para fechar o negócio, depende de cada proprietário. 

Quando você estiver na Itália, se seu contratto for apenas uma sublocazione (sublocação, quando você ocupa o quarto de alguém que vai voltar depois de um certo tempo), você não precisará pagar nada, pois é como se fosse uma declaração. Se seu contrato for de locazione (locação), você terá de arcar com os custos para registrá-lo, que pode variar, em média de 30 a 60 euros, pago apenas uma vez (o proprietário que leva o contrato para registrar).

Geralmente todos os quartos e apartamentos alugados para jovens, estudantes ou não, são arredati (mobiliados).


Valor do aluguel em Forlì
Os determinantes são: se você procura um monolocale (kitnet), uma camera singola (quarto com cama de solteiro), uma camera doppia con letto matrimoniale (quarto com cama de casal) ou uma camera doppia con letti separati (quarto com camas separadas, para dividir com outra pessoa) e também se você tem alguma exigência específica, morar no centro città / storico (centro da cidade / histórico), em área residencial num lugar mais afastado, numa zona ben attrezzata (zona bem servida de trasporte, comércio), uma camera spaziosa / ampia (espaçosa, grande), etc.

Meu primeiro affitto (aluguel) foi de 350 euros por mês para um quarto de casal em pleno centro storico de Forlì, porém com tudo incluído. Eu considero um valor caro ainda que seja no centro da cidade, pois é possível achar algo mais em conta.

Atualmente eu pago 250 euros de aluguel + bollette (contas) à parte, de gás (devido ao aquecedor), internet e energia. As contas chegam sempre bimestralmente, e no final das contas eu pago menos de 300 euros por mês e moro atrás do novo campus da faculdade (a 5 minutos de distância), e a 10 minutos de distância do centro da cidade. Como se trata de uma cidade pequena, pode-se sempre caminhar para onde quer que você queira ir. 

As kitnets costumam custar em torno de 400 euros por mês, o que é razoável para um casal. Para quem quer dividir o quarto com outra pessoa, o aluguel pode chegar a 180 / 200 euros por mês + spese (despesas). De forma geral, uma quarto com cama de casal custa mais caro, mas pode chegar tranquilamente ao valor de 250 euros por mês. Quartos com cama de solteiro costumam custar de 200 a 250 euros por mês.

Espero ter esclarecido muitas dúvidas de vocês. Para qualquer dúvida deixem um comentário que respondo! Conforme recebo as dúvidas, eu vou acrescentando as informações nas postagens, pois nem sempre eu penso em todos os detalhes e posso esquecer algo importante, e por isso a contribuição de vocês é essencial!

In bocca al lupo per la ricerca!!

9 comentários:

  1. Tenho lido seu blog e agradeço as informações que postou.
    Você ainda está na Itália? Teria interesse ou já vende algum tipo de serviço para ajuda em alugar um quarto ou apartamento/kitnet?
    Obrigado,
    Fábio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Fábio! Que bom que tem te ajudado!
      Ainda estou na Itália, certamente até julho, depois não tenho certeza... Vou te contatar em privado para tratar sobre isso!
      Abraços!

      Excluir
  2. Oi Roger. Seu blog é sensacional. Vc tem algum email para conversarmos. Obrigada
    Jociane. (jocianeguedes@hotmail.com)

    ResponderExcluir
  3. ola a todos,

    sou brasileiro e em 2009 comecei meu processo de cidadania na italia....visto a dificuldade em alugar a breve periodo um quarto ou casa aqui na italia e nao poder pegar a residencia...desde algum tempo estou colocando um quarto da minha casa aqui na cidade de Pistoia, em Toscana, para aluguel e proporcionando a possibilidade de pegar residencia na mesma...tambem posso fazer acompanhamentos para quem nao fala italiano e fazer o serviço de interprete...
    interessados favor escrever ao victorpelles@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. Olá Roger! Estou com uma pessoa na Itália que precisa urgente de uma residência para dar entrada na cidadania, mas ela tem pouco tempo. Vc sabe de alguém que possa ajudá-la com essa questão de residência. Ela está em Cologno Monzese, deu uma treta no ap que ela ia alugar (ela pode te explicar em detalhes, inclusive) e esta disposta a conseguir a residência em qualquer lugar! Ela já está com todos os documentos...tá tão pertinho, só falta a residência! :/ Agradeço desde já!!!! Bjs

    ResponderExcluir
  5. Estou com uma pessoa na Itália que precisa urgente de uma residência para dar entrada na cidadania, mas ela tem pouco tempo. Alguém que possa ajudá-la com essa questão de residência? Meu email: raquelsoprano@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Keka! Infelizmente não conheço ninguém que ofereça esses serviços, desculpa, fiz tudo sozinho.... Espero que consiga achar alguém que te ajude quanto a isso. Abraços!!

      Excluir
  6. Olá Roger!
    Tudo bem?
    Seu blogg é uma maravilha, me ajudando muito.
    Gostaria de saber que tipo de contrato é necessário para a residência, se eu alugar um quarto no caso, poderia ser transitório ou tem que ser 4x4?
    E você sabe se Forlì continua sendo um bom comune para fazer o processo??
    Muito obrigado!
    Abraço
    gabriel.olim@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabriel! Tudo bem, e com você? Obrigado, espero que esteja te ajudando! Até onde eu saiba pode ser um contrato temporário, morando num quarto apenas sim, claro, não precisa ser uma casa inteira. Todavia, há uma pessoa atualmente realizando o processo em Forlì que me disse que a pessoa encarregada solicitou um contrato mais longo para comprovar que não foi só lá para pegar a cidadania italiana e ir embora. Até onde eu saiba, nunca ouvi falar disso mas ocorreu. Acredito que possa ser porque desconfiem que você está "morando mesmo" na Itália, se pretende ficar lá, etc... Acho que depende se você já fala italiano também para demonstrar sua intenção de "ficar" na Itália... Abraços!!

      Excluir